quinta-feira, 4 de julho de 2024

O que é ser verdadeiramente rico?

 Olá pessoal, tudo bem?

Ontem à noite me apareceu um célebre post que mostra os seguintes dados (estou puxando da memória, então vai ser aproximado):

- Para estar entre os 1% mais ricos do Brasil, você precisa ter: 27 mil de renda ou 4 milhões de reais de patrimônio.

- Para estar entre os 0,1% mais ricos do Brasil, você precisa ter 96 mil reais de renda ou 26 milhões de reais.

Está certo que para ser 1% mais rico, estamos falando de aproximadamente 2 milhões de pessoas e, 0,1% seriam 200 mil pessoas; ou seja, estar nesses grupos é realmente fazer parte de uma parte seleta de pessoas no Brasil. Entretanto, me surpreendi com a dificuldade que seria fazer parte dos 0,1% mais ricos do Brasil. Não me vejo chegando lá - não nesta vida. 

Aproveitando que estou me familiarizando com o ChatGPT, resolvi perguntar para ele o que seria ser os mesmos percentuais de riqueza nos Estados Unidos. E aí me dei conta que realmente estamos muito longe de ser ricos não só a nível local, mas nem pensar à nível mundial:

- Os 1% mais ricos dos EUA, tem 11,6 milhões de dólares

- Os 0,1% mais ricos, tem 50 milhões de dólares

Ou seja, mesmo você sendo os 0,1% mais ricos do Brasil, você não chega nem perto a ser os 1% dos EUA (precisaria de ao menos, o dobro de patrimônio para chegar lá). 

Não estou falando aqui que precisamos perseguir esses números, afinal, são bem altos e é possível ter uma vida plenamente feliz com muito menos que isso. Meu objetivo segue sendo o mesmo em termos de acúmulo de patrimônio. Mas é interessante ver isso para tomar perspectiva de onde estamos na fila do pão. 

A dificuldade aqui é o que alguns livros falam: você quer ser rico ou ter o suficiente? E o que é ter o suficiente? 

Nossa eterna discussão na finansfera...

Abs,

IFM

10 comentários:

  1. Quando a preocupação for sair do conceito de riqueza no Brasil para ir p/ o conceito de riqueza dos EUA, sinceramente, eu vou me considerar milionário. Hehe

    ResponderExcluir
  2. É, com o dolar nestas alturas, de nada adianta ser milionário em real. Serve pra nada. Quando for milionário em dolar ai sim dá pra relaxar um pouco

    ResponderExcluir
  3. A melhor definição de riqueza é orçamento superavitário. Não é nem renda passiva, nem valor de patrimônio, tem mais a ver com o orçamento, do fazer sobrar sempre.

    Patrimônio e renda é só consequência, uma hora a renda passiva vai ficar maior que nossa renda trabalhando, mas ela não nasce do nada.

    Tem tanta gente que é pobre ganhando 10 mil e gastando 10 mil. Enquanto outros ganham 100 mil e gastam 1500.

    Tem que ter orçamento, fluxo de caixa positivo. Vale o padrão de vida também.

    ResponderExcluir
  4. Besteira ficar pegando o 1% de maiores rendas dos países, eu tenho renda para estar no 1% mais ricos do Burundi, e daí? Vamos usar o 1% de Mônaco então?
    Riqueza não é só renda, é uma mistura de renda e patrimônio.
    Ser rico é ter acesso aos melhores serviços. Consegue andar de primeira classe? Consegue ter uma Ferrari? Consegue ter uma casa boa e espaçosa em um bairro bom e seguro? Se não consegue, não é rico, fim.

    ResponderExcluir
  5. Acredito que depois de certo valor de renda e patrimônio tanto faz.
    Você não consegue gastar tudo mesmo.
    Eu não preciso ser milionário, só não quero ter uma vida de merda. Principalmente uma velhice.
    É bom demais não ficar fazendo muita conta pra tudo.
    Aqui em casa sobra todo mês, minha renda e da esposa somam uns 15.000 mil líquidos. Investimos todos os meses. Não temos filhos e nem queremos, se tivessemos acho que não sobraria.


    ResponderExcluir
  6. É difícil definir pq é uma questão pessoal, do que se almeja para a própria vida. Agora vc dizer que é impossível nesta vida chegar nos 0,1%? Não se subestima não hein? A expectativa de vida está em torno de 72 anos, ou seja, mais quarenta pra frente... chega sim!!! Olha a crença limitante aí....hahahhahaha

    ResponderExcluir
  7. É difícil definir pq é uma questão pessoal, do que se almeja para a própria vida. Agora vc dizer que é impossível nesta vida? Não se subestima não hein? A expectativa de vida está em torno de 72 anos, ou seja, mais quarenta pra frente... chega sim!!! Olha a crença limitante aí....hahahhahaha

    ResponderExcluir
  8. Tem pessoas que tem o dom de fazer dinheiro, se bem que muitos que chegam nesse patrimônio ...tem que sonegar imposto, roubar e etc...

    ResponderExcluir
  9. Interessante esses dados. EUA economia número 1. Aí é covardia mesmo.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  10. Embora nos EUA também haja desigualdade, é considerado um país de classe média. Diferente da Europa, onde a distribuição de renda é mais uniforme, mas nada comparado à brutal desigualdade de renda brasileira. Seremos melhores quando formos um país de classe média.

    ResponderExcluir

Obrigada por tornar esse espaço um lugar fértil para troca de idéias! =)