domingo, 1 de maio de 2022

A compra do Imóvel - detalhes até agora

 Olá pessoal, tudo bem?

Me animei hoje de vir aqui contar pra vocês. Que jornada, não? 

Chamo de jornada, porque fui mudando de opinião e aprendendo muito ao longo dela. Achei que ia comprar um imóvel usado, que tinha me apaixonado e na região que queria. Eis que mudei absolutamente tudo ao longo do processo e aqui estou, aguardando a construtora assinar o contrato. 

Pois bem, vou tentar contar um pouco sobre a jornada. Eu tinha 2 bairros na cabeça, o imóvel mais caro era de um e o mais barato, de outro. O mais caro acabei desistindo por ser muito grande e caro mesmo, achei que não precisava de tudo aquilo nesse primeiro momento. E aí decidi comprar o mais barato. 

Quando fiz a proposta para ele, veio o primeiro balde de água gelada: tinham feito uma proposta antes de mim e o contrato de compra e venda estava assinado. Que azar! Comecei então a buscar outros imóveis na mesma região, visitei MUITOS deles, até encontrar outro que tinha um valor intermediário entre o mais barato e o mais caro. 

Pois bem, fiz uma proposta. Depois de semanas descobrindo que a proprietária não era bem a proprietária, mas o pai dela e que o pai dela ficou me enrolando; o homem desiste da venda. Simplesmente desiste. Balde de água gelada número 2 e tempo perdido nessa. 

Até aí eu já estava cansada de imóveis usados. Vi que era muita dor de cabeça. Visitei mais alguns que não me apaixonei e decidi partir pros recém-entregues, ou seja, aqueles que ainda não havia um proprietário. Cheguei a visitar um que quase fechei, mas algumas características do imóvel me fez crer que não era o melhor.

Em contato com o corretor daquele primeiro imóvel mais barato, ele me fala que poderia me apresentar os recém-construídos, e me mostra uma outra opção (que foi a que no fim eu fechei). Eu conheci, não me apaixonei, mas gostei.  Até aí eu já estava bem determinada a não encontrar o apartamento perfeito. 

Eis que o imóvel mais barato volta ao páreo, porque desistiram de comprar. Fico super feliz, era o que eu queria de fato, o que se encaixava mais nas minhas necessidades. Esta prestes a assinar o contrato quando o corretor me fala que o proprietário tinha umas dívidas em seu nome. Depois de muito pesquisar, vi que isso era perigosíssimo, porque eu poderia vir a perder o imóvel. Falei com advogados e desisti da compra. 

Foi ai que voltei ao imóvel recém entregue. Fiz uma proposta chutando bastante para baixo que aceitaram de imediato (achei um milagre) e fui adiante. Depois de mais ou menos um mês lendo contrato, relendo, fazendo alterações, assinei em março. 

Minha sorte nesse processo todo é que estou com uma assessora que me ajuda demais, que veio para ajudar com o financiamento, mas ajudou em tudo. Ela me orientou e me orienta a todo o momento no processo. Fundamental para marinheiros de primeira viagem. 

Eu já tinha na cabeça a idéia de fazer financiamento porque segundo ela era muito mais fácil para sacar o FGTS através de um banco. Depois de ver todos os problemas que a compra de imóvel pode dar, vi que mais que financiar, o banco ajuda a ter uma certeza de que o negócio é valido, porque ele avalia todos os documentos. Foi ai que fui mudando minha cabeça para financiar 100% do valor. 

No fim das contas foi isso que fiz. Como tinha pedido carta de crédito em Janeiro, travei a taxa real em 9%. Com a Selic a quase 12% e não dando sinal de trégua, resolvi financiar mesmo 100%, assim mantenho meu dinheiro rendendo e vou pagando as parcelas aos poucos. O juros que vou pagar, já fiz as contas, é menor do que o que está rendendo o mesmo dinheiro na RF. E a cada mês ele obviamente diminui, então decidi que vou acompanhando mês a mês e quando a conta não tiver positiva, quito. 

Uma coisa importante pra dizer é que não coloquei o total do imóvel no meu fechamento. Vou colocar à medida que for amortizando. Até agora foi o FGTS e o sinal somente. As parcelas começam em maio. 

Outra coisa importante: o processo demora demais. Assinei no fim de Março, um mês se passou e ainda estou aguardando a construtora assinar o contrato de financiamento. Eles são lentos, mas todos os trâmites com o banco também. Só depois disso que irei até o cartório fazer o registro que deve demorar mais uns 30 dias. 

Enquanto isso, não posso entrar no imóvel para poder começar a planejar tudo (e haja coisa, porque ele acaba de ser entregue, não há nada). Dá um certo desespero pensar o tanto que demora. Mas é isso, tem que ser um passo por vez e não tem muito jeito. A verdade é que queria ter começado antes, pra fechar antes e hoje já estar dentro do imóvel. 

Paciência, agora não tem volta atrás. Sobre a decisão financeira, até agora não me arrependo. Foi pouco dinheiro que foi (só o sinal), acho que vou me enrolar um pouco nesses próximos meses, mas como as parcelas vão diminuindo, acredito que vou me organizando ao longo do processo. E vai valer a pena, ter um imóvel com a minha cara depois de tanto sacrifício para a IF, vai valer. Fora que vai valorizar, por mais que falem que não, bairro bom sempre valoriza acima do esperado. 

Vamos que vamos, vou contando pra vocês, mas acho que não teremos tantas novidades nesses próximos dias. 

Abs, 

IFM

18 comentários:

  1. Boa noite IFM! Que bom que a novela está caminhando para um fim. Meu apartamento foi comprado na planta e digo que receber um apartamento novo tem vantagens e desvantagens. Seguem algumas dicas que te passo que gostaria que alguém tivesse me dito: 1) Antes de mobiliar e se mudar para o apartamento verifique o tipo de tinta utilizada no apartamento e se o acabamento das paredes está bom. Se por acaso descobrir que utilizaram tinta não lavável, de baixa qualidade ou se o acabamento não estiver ok te aconselho a contratar um pintor pra refazer as paredes. Ter que repintar o apartamento mobiliado e com você morando é um inferno (acredite...passei por isso). 2) Infelizmente as construtoras de hoje em dia usam mão de obra barata e materiais de baixa qualidade, mesmo em prédios de alto padrão. Verifique os acabamentos e de houver alguma coisa mal feira grite para a construtora pra tentar utilizar a garantia (existe uma garantia pra cada coisa no apartamento que varia de acordo com a complexidade...algumas coisas são 6 meses e outras 5 anos). Saiba as garantias pois muitas vezes precisará usar. 3) Sei que a vontade é decorar e arrumar o apartamento de um dia pro outro, mas aconselho antes de montar móveis planejados que use um pouco o apartamento pra evitar dor de cabeça com infiltrações. Nos primeiros meses de uso é normal aparecer várias infiltrações por motivo de instalação mal feita. Se você já tiver colocado móveis planejados você pode acabar perdendo móveis com isso (eu perdi). Depois de 1 ano +- esse problema tende a melhorar. 4) Leia bem a convenção de condomínio antes de fazer obras e modificações. Cada lugar tem regras e exigências. Podem exigir inclusive que você tenha uma ART pra furar a parede (acredite...aqui tem). Pra evitar fazer algo que não seja aceito no regimento do prédio, aconselho se informar bem e sempre registrar com o síndico. Bom...lembrando outras dicas te envio. Boa sorte nessa empreitada! Com certeza terá muita raiva, mas a alegria de ter um lugar só seu supera os problemas. Grande abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. se vc tiver criança ou pet em casa esteja ciente que sempre vai ter que pintar o imóvel por dentro, se for uma casa então sempre vai ter que pintar por fora porque, sol, chuva e vento vai estragando com o tempo, se não quer ter dor de cabeça com pintura ou enfia um papel de parede ou azuleja tudo. Um vizinho meu azulejou o muro da casa dele, além de ter ficado lindo, nunca mais ele vai ter que pintar kkkkk só que haja dinheiro né kkkk a tinta ainda é mais barata

      Excluir
  2. Boa, valeu por compartilhar. E sobre seu outro blog, desistiu? As coisas se resolveram?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, me livrei do problema e desisti do blog, não consigo nem me dedicar direito a este...rs

      Excluir
  3. Interessante, obrigado por dividir conosco! Achei que tivesse comprado à vista :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi FT! A idéia era comprar a vista, mas como peguei uma taxa boa para os dias atuais com Selic nas alturas, vou aproveitando e pagando a prazo porque a diferença do rendimento vou investindo...fora que a cada 2 anos da pra usar o FGTS também para amortizar se você não quita. Eu vou monitorando mês a mês para ter a certeza que seguir pagando as parcelas vale mais a pena...
      Abs

      Excluir
    2. Daí quando a SELIC baixar vc vai e quita, certo ? O banco vai aceitar de boa, sem cobrar nenhuma taxa ?

      Excluir
  4. VVI deu uma aula ali encima.

    Muito interessante o seu relato, o que gostei é da ideia de sempre fazer a aquisição via financiamento pelo banco com a oportunidade de levar a consultoria jurídica deles no pacote.

    Já conheci tantos casos que não consigo contar nos dedos onde a pessoa comprou imóvel enrolado judicialmente, ou imóvel que se quer estava escriturado. Aqui no interior infelizmente é muito comum loteamentos sem a devida regularização junto ao cartório de registro de imóveis e a administração pública parece de certa forma ser conivente em permitir esses absurdos.

    Uma modinha mais recente aqui no interior do Sul é a tal da compra de chacarás (lotes de 10.000m²), onde o registro do imóvel simplesmente continua em nome do vendedor que normalmente está apenas "picando" uma parte da sua propriedade, com os "novos proprietários" investindo pesado encima de uma terra pelo qual se quer está regularizado o direito. O tal do contrato de gaveta é uma das maiores barbaridades que alguém pode aceitar se submeter.

    Abraços,
    Pi

    ResponderExcluir
  5. VVI deu uma aula ali encima.

    Muito interessante o seu relato, o que gostei é da ideia de sempre fazer a aquisição via financiamento pelo banco com a oportunidade de levar a consultoria jurídica deles no pacote.

    Já conheci tantos casos que não consigo contar nos dedos onde a pessoa comprou imóvel enrolado judicialmente, ou imóvel que se quer estava escriturado. Aqui no interior infelizmente é muito comum loteamentos sem a devida regularização junto ao cartório de registro de imóveis e a administração pública parece de certa forma ser conivente em permitir esses absurdos.

    Uma modinha mais recente aqui no interior do Sul é a tal da compra de chacarás (lotes de 10.000m²), onde o registro do imóvel simplesmente continua em nome do vendedor que normalmente está apenas "picando" uma parte da sua propriedade, com os "novos proprietários" investindo pesado encima de uma terra pelo qual se quer está regularizado o direito. O tal do contrato de gaveta é uma das maiores barbaridades que alguém pode aceitar se submeter.

    Abraços,
    Pi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem dúvida Pi! São tantas pegadinhas que tem que ficar atento mesmo. Eu mesma quase cai em várias, no fim, deu certo o imóvel que era pra ser...

      Excluir
    2. Sem dúvida Pi! São tantas pegadinhas que tem que ficar atento mesmo. Eu mesma quase cai em várias, no fim, deu certo o imóvel que era pra ser...

      Excluir
    3. veja se o registro do imóvel tá ok, só compre se o lote estiver desmembrado, eu pelo menos, só compro com escritura individual registrada em cartório meu fiiiiiiii

      Excluir
  6. NaO SE ARREPENDEU AINDA? LOGO VAI

    ResponderExcluir
  7. Bela aquisição ! Eu sou do time onde ter imóvel sempre é melhor que alugar! Depois de muita dor de cabeça com dono de imóvel nunca mais alugo! Gosto de ter, de ser meu, de eu fazer a reforma e o que quiser com ele, de ninguém vier me encher o saco falando pra eu sair correndo nas pressas...

    Na verdade, comprei meu terceiro imóvel a dois anos em plena pandemia e consegui ótimos descontos, no caso, eu queria um refúgio para passar a pandemia pois estava trabalhando remoto, acabei comprando um imóvel gigante quase a beira mar (quase mesmo, rs), pois chamei familiares e amigos para desfrutar junto comigo. 2 anos depois a empresa não quis voltar pro escritório e vou ficar aqui =) já fiz diversas reformas, amei, não me arrependo, vou até vender um dos meus apartamentos em SP justamente para expandir aqui e ficar ainda mais TOP.

    Se você for como eu, vai amar ser dona do seu próprio canto, boa sorte =)

    ResponderExcluir

Obrigada por tornar esse espaço um lugar fértil para troca de idéias! =)