domingo, 21 de janeiro de 2018

A Louca das Milhas!

E aí pessoal, tudo bem?

Por aqui, uma semana bem mais agitada, já comecei a trabalhar mesmo para valer. Ainda estou me organizando na vida pessoal e até na profissional, mas as coisas parecem estar se acertando, o que faz com que minha ansiedade diminua. Uma coisa que fiz nesta semana foi comprar um livro que vai me ajudar muito nesse momento de transição (assim espero). Uma antiga chefe o recomendou e eu nunca li, mas agora senti a necessidade. Se eu de fato achar que me ajudou, vou recomendá-lo para vocês, junto com o meu post sobre mudança de emprego.

Um dos meus aportes deste mês já está pronto para acontecer (fruto da rescisão) e será exclusivamente em ações e FIIs. Sério, pensem na pessoa mais RF da vida pegando um valor consideravelmente alto e enviando para a corretora para comprar mais ações e mais FIIs. Que orgulho de mim! rs

Sobre bitcoins, me cadastrei na Binance e vou tentar me cadastrar logo menos na Foxbit. Sem pressa, sem correria e sem desespero. Sei que o bitcoin está com um valor pechincha agora e de fato quero comprá-lo, mas antes preciso terminar todos esses cadastros e me sentir segura. Vou colocar um valor baixo (1k), só para brincar mesmo.

Mas o post de hoje não é sobre nada disso. É sobre milhas. Parece bobeira, mas eu NUNCA me importei com isso e o que vejo hoje é que desperdicei muita oportunidade de viajar de graça. Conheci um dos programas que juntam milhas de vários lugares há alguns meses e resolvi estudar mais. Conclusão: aproveitei um dia em que tinha bônus extra para transferência de pontos do cartão de crédito (que inclusive estavam para vencer) e comecei a ver que muitos dos sites online onde eu faço compras, eu poderia juntar mais milhas.

Virei a louca das milhas. Na viagem à trabalho que fiz no final do ano passado, eu aproveitei para juntar mais delas. Deu no total em torno de 21k de pontos. Fiz compras ali e acolá e consegui mais  uns 5k pontos. Com a transferência do cartão de crédito com bônus de 40%, consegui mais 50k pontos. Hoje tenho exatos 76k pontos, somando mais uns 4k pontos eu consigo uma passagem de ida e volta para a Europa, comprando com uma certa antecedência.

É a verdadeira mina de ouro. Imaginem viajar todos os anos para a Europa sem ter que reservar grana para a passagem. É isso que quero fazer. Ainda tenho mais 20k pontos no cartão aguardando uma boa promoção dessas de bônus extra para transferir. Nâo precisamos nem esperar Europa. E se eu pegasse um feriado emendado para viajar pelo Brasil por uns 10k, 15k pontos? De verdade, achei genial.

Mas aí vocês vão falar: é, mas você ainda não usou esses pontos. É verdade que não. A minha idéia é de fato quando voltar da Europa este ano (depois da Copa do Mundo), ver qual será minha próxima viagem (em 2019) e aproveitar esses pontos.

Fato é que estou muito mais cuidadosa em compras online. Sempre vou no site desse parceiro para ver  se comprando por ele eu consigo pontos. E logicamente confiro em ambos os sites (do parceiro e do próprio local que quero comprar o produto) se os preços estão iguais. Não quero cair em nenhuma pegadinha.

E digo mais, isso porque nem abasteço meu carro no local que daria mais pontos. Ainda estou estudando se vale a pena fazer isso, mas acredito que valha.

Muitas pessoas nem se dão ao trabalho de ver essas coisas e acabam perdendo oportunidades boas. Ou ainda pior, acabam reclamando que a vida não dá oportunidades. É por isso que eu acho que nunca é tarde para acordar e ver que podemos mais.

Um outro exemplo disso é os cartões "black" da vida. Não tenho nenhum, mas ao pesquisar as vantagens de cartões platinum (que é o que eu tenho), black e etc (principalmente por conta da viagem), acabo de descobrir que o banco Inter (onde tenho conta), oferece esse cartão sem anuidade se você tiver investido 250k (ATENÇÃO: não recebi nenhuma comissão por isso....rs). Sei que Santander e Itaú oferecem esse cartão sem anuidade se você também tiver uma média de gastos a partir de uns 5k mensais.

Não estou falando para ninguém sair gastando mais para obter esse cartão. Apenas, se você já gasta isso, por que não? Eu devo investir um pouco mais no Inter nos próximos meses para conseguir esse cartão antes da viagem porque sei que o seguro viagem, seguro perda de mala e até a sala vip do aeroporto valerá a pena. Mas isso para mim.

De qualquer maneira, este mês será o mês da RV! Em fevereiro devo focar mais em RF justamente para conseguir o cartão (falta pouco na verdade - sempre gostei das taxas do Inter).

Até mais pessoal!
Abs,
IFM

domingo, 14 de janeiro de 2018

Primeira semana de trabalho e afins

E aí pessoal, tudo bem?

Escrevo hoje do celular porque nem ânimo para pegar o laptop tenho. Essa semana foi uma loucura: pico de ansiedade, muitas dúvidas passando pela minha cabeça e eu só pensando que preciso ter um plano B para minha carreira. Minha sorte é que tenho amigos psicólogos que me ajudaram neste momento, mas é muito louco pensar que o que eu mais queria era um novo emprego e quando eu tenho ele eu dou uma surtada dessas. Indefinições, odeio isso.

De qualquer maneira, estou um pouco mais calma pensando que se tudo der errado eu já tenho quase meu milho garantido. Lembrando que nos fechamentos mensais eu não contabilizo previdencia e men FGTS. Minha rescisão da ultima empresa foi bem aquém do esperado porque eles resolveram ser mais um pouco filhos da mãe e descontaram um bônus que eu havia recebido (nada extremamente relevante, mas para quem trabalhou que nem camela como eu, esperava um tratamento diferente).

Vejo tantas pessoas bem sucedidas empreendedoras, cuidando da própria rotina e sem aquele medo do: o que será que vai acontecer comigo no futuro? Queria isso. Mas não tenho boas ideias para empreender e nem coragem de colocar uma grana agora em qualquer coisa, entao vou continuar como estou.

Mudando um pouco de assunto, fiz mais algumas reservas da viagem da Europa. Meu pai amado como é caro! Estou estimando gastar em torno de 20k. O roteiro também é bem robusto: barcelona, mallorca. Ibiza, paris, amsterda, croácia (varias cidades), escala em roma e aí sim de volta ao Brasil. 25 dias. Podem imaginar quanto essa brincadeira de hospedagem e deslocamento custará. Mas será uma experiencia para eu me lembrar para o resto da vida, então não ligo.

Acho que chegamos no meio das reservas agora. Ainda falta uns aviões, trens, e a hospedagem inteira pela croácia. Super trabalhoso, mas adoro fazer isso. O bom também é que a viagem está sendo quase toda paga agora, o que vai ajudar a diluir os custos.

Mudando de assunto de novo: me cadastrei na Binance. Agora é só tentar entender como funciona e se eu quero realmente arriscar meu rico dinheirinho mas criptos. Ate agora, já estou me achando muito moderna em FIIs e ações...=P

É isso pessoal, quero sim escrever sobre a saga da mudança de emprego, mas quando eu estiver numa vibe melhor. Por enquanto estou muito na bad.

Abs!
IFM

domingo, 7 de janeiro de 2018

Ansiedade, preocupação e primeira compra de ações!

Nossa, pessoal, que começo de ano louco! Estou me sentindo estranha.

Tive a minha primeira crise de ansiedade esta semana: muita coisa não bacana aconteceu na minha última semana de trabalho e fiquei extremamente ansiosa com o novo trabalho. Depois de tanto querer mudar, agora veio o sentimento de medo. Odeio isso.

No meio desse furacão, sem conseguir dormir direito e tomando alguns medicamentos para tentar relaxar, comprei minha primeira ação: SMLS3. Os motivos da escolha são 2: potencial de crescimento e potencial de distribuição de dividendos.

Comecei a estudar um pouco sobre ações, já que meu foco em 2018 vai ser crescer meu % em RV, que hoje não chega nem a 5%. Depois de muito pesquisar sobre ações, o que de fato me encantou foi a possibilidade de distribuição de dividendos. E a Smiles se apresenta no topo do ranking dessas ações, além de possuir um potencial de crescimento bom.

Minha estratégia aqui não é vender a curto prazo, de jeito nenhum. Então vou acompanhar os valores para inclusive poder continuar com meus balanços mensais, mas não vou me desesperar com nenhuma queda. Ano de 2018 será para os fortes e vou aguardar essa turbulência passar antes de vender qualquer uma das minhas posições (seja em ações ou em FIIs).

Nesta mesma semana também fiz outras importantes compras:
1.000 dólares - com taxa de 3.31
500 euros - com taxa de 4.00

A idéia aqui é ir fazendo preço médio para poder gastar na minha viagem da Europa, em Junho. Dólar caiu bem no início deste ano e o Euro se manteve estável, com leve queda frete às últimas semanas de 2017. Como a tendência deste ano é incerta, achei melhor iniciar as compras.

O objetivo do dólar é comprar um notebook para uso pessoal (estou pensando em macbook, alguma sugestão?), que hoje eu não tenho - sim, uso o notebook do trabalho e isto está me tirando a tranquilidade, pois estou tendo que devolve-lo, claro. O que sobrar de dólar (estou pensando em comprar mais 1k até lá), quero salvar para investimentos mesmo.

E o Euro, a conta que estou fazendo é que devo gastar em torno de 80 euros por dia durante a minha viagem, ou seja, preciso de pelo menos 2.000 euros para os meus 25 dias de viagem. Não quero usar muito o cartão, pois apesar de juntar milhas, pagamos IOF de mais de 6%, enquanto com o dinheiro em espécie, gastamos 1.1%. Não, não fiz uma super conta para ver se ainda assim vale a pena por conta das milhas, mas como nunca usei as milhas até hoje (só agora estou com um saldo bacana e devo usar para a próxima viagem), não quero ter gastos necessários por conta delas.

Acho que todas essas mudanças estão fazendo meu cérebro fritar, essa é a verdade. Eu não sou muito fã de mudanças, sempre tenho uma pitada de medo. Entretanto, estou tentando aplicar aquela célebre frase: vai, e se der medo, vai com medo mesmo.

Ah, e ainda estou desanimada com meu patrimônio: vendo todo mundo ficar milionário com as criptomoedas, estou sentindo que minha hora não chega nunca. Ando a passos de tartaruga e não vejo o 1M chegar nunca. Os 5M parecem então que estarei velhinha com dentadura quando eles chegarem. Affe!

Espero estar melhor na semana que vem.

Abs!
IFM

quinta-feira, 4 de janeiro de 2018

Metas de 2018! E como planejá-las

E aí pessoal, como estão nesses primeiros dias de 2018?

Eu estou só alegria, última semana na minha atual empresa e com energias recarregadas para a nova experiência. Pensar positivo, sempre!

Bom, na volta da minha viagem de réveillon, atualizei meu balanço de 2017 e fiz meu planejamento para 2018. Por experiência própria, eu não faço lista de metas. Lista de metas só serve para a gente achar que as metas são uma obrigação e torna elas "pesadas". Além disso, dificilmente alguém em 1 ano consegue fechar 10 metas, se elas de fato forem complexas, é praticamente impossível. Por isso, vamos aos meus passos para planejamento:

1. Eu penso no que eu gostaria de estar fazendo e não estou:

Por exemplo: Queria estar lendo mais? Queria. É factível colocar uma meta de leituras para 2018? Não sei. Não sei como será meu emprego novo, minha nova rotina, como estarei. Eu simplesmente não vou colocar meta para isso, se não sei a maioria das variáveis que vão impactar em eu ter um tempo de qualidade para ler. De qualidade, sim. Não adiantar ler por ler. Eu quero ler para aprender.
E foi assim que decidi não colocar meta de leitura.

Outro exemplo: eu preciso cuidar da minha saúde. Não estou me exercitando como gostaria, preciso fazer pilates por questão de problema de coluna. Eu consigo encaixar 40 minutos de exercicio por dia + 2 ou 3 vezes de pilates por semana? Não sei se consigo, mas é o que mais preciso neste momento. Vou ter que me focar nisso, caso contrário, chegando aos 30 anos, eu não vou ter muita saúde na IF. Logo, isso será uma das minhas metas e meu foco para o próximo ano.

2. Eu penso no que eu quero continuar fazendo:

Quero continuar evoluindo no meu patrimônio. Ainda tenho um longo caminho até a IF, então preciso me focar nas finanças neste ano para atingir e ultrapassar o milhão. Esta será uma das minhas metas, com toda a certeza.

3. Eu penso no que eu gostaria de parar de fazer:

Eu gostaria de desapegar de algumas coisas. Eu guardo muitas coisas e tenho dificuldade em doar/terminar com algo que preciso terminar. Meus armários vivem lotados e eu não devo usar nem 20% do espaço deles no dia-a-dia. A maioria das coisas estão paradas lá. Eu acho que isso me fará bem e fará a energia circular. Eu vou focar em me desapegar das coisas que tenho.

4. Lições aprendidas de 2017 que eu quero utilizar em 2018:

Aqui tem várias:
- Não me preocupar tanto, pois as coisas se ajeitam no final: me preocupei demais com meu futuro no trabalho atual e no final, nada daquilo que eu estava imaginando aconteceu, as coisas se ajeitaram por si só e a justiça divina agiu, como sempre age.

- Levar a vida e os relacionamentos de forma mais leve. Aqui quero dizer que por conta de dinheiro, resultado, performance, eu deixei de ter bons relacionamentos na minha atual empresa. Priorizei os resultados em detrimento das pessoas. E o que ganhei com isso? Os resultados ficaram e eu levo poucas amizades comigo na minha saída. Não quero mais priorizar resultados, quero priorizar pessoas. Essas sim podem nos ajudar no futuro. ]

- Pensar positivo. O que eu colhi e colho de frutos depois daquele post sobre pensar positivo é incrível. Aqui eu devo tudo à uma conversa que tive com uma pessoa e que me abriu os olhos para isso. Eternamente grata, a vida muda quando nós mudamos.


Bom, depois desses passos e resumindo minhas metas para 2018 (poucas, mas muito bem focadas):

1. Fazer 40 min de exercícios pelo menos 4x por semana e pilates pelo menos 2x por semana.
2. Atingir, ao final de 2018, um patrimônio de R$ 1.050.000,00. (detalhes abaixo)
3. Diminuir meus bens materiais de forma a desapegar durante o ano de 2018. Ter 2 prateleiras completamente vazias ao final do ano de 2018.
4. Levar as lições de 2017 comigo em 2018 e aprender novas lições em 2018.


Simples, leve, mas focado. Assim deve ser 2018 para mim.


Sobre a meta número 2:
Meu cálculo é bastante simples, considera o seguinte:

  • um rendimento mensal de 0.6% (renda fixa mesmo)
  • aportes com base no meu salário líquido descontando a média de gastos mensais
  • PLR, bônus e 13ºsalário estão incluídos
  • desconta grandes viagens (tenho uma viagem para a Europa de 25 dias neste ano, então não posso desconsiderar esse gasto, fora o carnaval
  • Se não fosse essas viagens muito provavelmente eu levaria minha meta para 1.100.000 reais. Este é meu sonho de número, mas vou deixá-lo em segundo plano porque de fato os gastos estarão altos neste ano. 
Metas feitas, cálculos feitos, agora vamos trabalhar. 

Espero que este post ajude vocês a repensar um pouquinho suas metas e traçarem objetivos desafiadores, mas factíveis. Isso pode ser bastante complexo. 

Abraços e até a próxima!

IFM

terça-feira, 2 de janeiro de 2018

Fechamento de Dezembro/17 - R$ 863.244,95 (+2.77%)

Amo final de ano! Momento de repensar tudo que deu certo e o que não deu e também de fazer novas metas, se renovar, pensar positivo! 

Dezembro foi um mês de muito agito, algumas viagens pequenas, outras maiores e um réveillon muito bom! Acabo de voltar de viagem e acabo de consolidar os números do ano de 2017! Que alegria ver o patrimônio crescendo de forma consistente! 

Vamos aos números então:

Aportes: R$ 15.086,00  - Foi um mês bom. Consegui aportar grande parte do salário e o 13º em sua totalidade (apesar de ter vindo bem menor do que os números que eu pensava, afinal, desconto do IR foi feio...snif). Tive uma pequena renda extra também.Próximo ano ainda terei a rescisão e o novo salário, esse número deve ficar bom! 

Rendimentos: R$ 8.156,22  (representam 0.97%) - FIIs me trouxeram MUITAS alegrias aqui. Consegui um rendimento superior graças aos alugueis deles e também à valorização que eles tiveram. Para o próximo ano pretendo ampliar minha posição em FIIs e entrar no mundo das ações. Vou focar naquelas que distribuam altos dividendos e que tenham potencial de valorização também.

Total de crescimento do portfólio em Dezembro: R$ 23.242,22 (+ 2.77%) - Agora sim um número bonito de se ver. Pena que ele não é constante, visto que tive renda extra este mês. Com o novo salário e os novos investimentos em FIIs, espero que esse número fique neste patamar. Vou conseguir ver isso somente em Fevereiro.  

Renda Passiva (utilizando a TSR): R$ 2.877,48 (+ 2.77%) - Adicionei 77 reais de renda extra sem preocupação para o futuro. Rumo aos 3k de renda mensal sem precisar me preocupar com um inflação e sendo totalmente líquida!

Onde apliquei neste mês: Confesso que não apliquei ainda. Transferi hoje para a minha corretora e nesta semana pretendo ainda aplicar em FIIs. 

Como eu fiquei com relação à minha meta do ano (870k): É, conforme previsto, fiquei abaixo da meta. 7k reais abaixo. Eu sei que as metas estão aí para serem atingidas, mas foi por pouco que não consegui. Tive umas viagens não planejadas, então eu acho que valeu a pena!  


Crescimento do patrimônio em 2017: +329.766,02 = +62% : Sim meus amigos, consegui um crescimento de 62% do patrimônio neste ano de 2017. Comecei o ano com um patrimônio de 533.478,93 reais e termino com quase 900k. Isso é incrível. O ano de 2016 já tinha sido muito bom para mim, mas este foi espetacular! Só tenho a agradecer por todas as oportunidades que tive de acumular este capital. Com certeza a vida fica mais tranquila com ele.

 

Dezembro passou voando, mal consegui ver as finanças. Vou fazer meu planejamento para 2018 exatamente agora.

Vou fazer um planejamento bem detalhado para compartilhar com vocês no próximo post!  

Eu desejo um Feliz 2018 para vocês e seus familiares, que consigamos aproveitar este ano de forma sábia, não deixando a vida passar por conta de uma IF que perseguimos! 

Abraços!
IFM

quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

Keeping in Touch!

E aí pessoal?!

Dei uma sumida. Correria de fim de ano e desintoxicação da web de final de ano também. Não estou tendo tempo de pensar em investimentos nem nada. Adivinhem? Dinheiro parado na conta corrente. Eu sei, estou errando muito com isso, mas não estou conseguindo nem fazer as transferências que eu preciso para investir. Ridículo mesmo.

De qualquer forma, posso confirmar agora: estou mudando de emprego! Deu tudo certo! Meu último dia no meu atual emprego é na semana que vem, então imaginem a correria que estou para repassar conhecimento, pedir os reembolsos pendentes, baixar as infos que eu preciso da rede, enfim, é muita coisa para pensar/fazer, fora todos os afazeres de final de ano.

Resultado? Engordei. Muito. No novo emprego pretendo ter uma rotina, pelo menos me exercitar os tais 40 min por dia. Não dá para eu continuar assim, preciso cuidar de mim. E preciso me policiar quanto a isso, porque a minha tendência é ser workholic. Não posso continuar dessa maneira, estou me sentindo mal nesta semana de tanto que eu me esbaldei nestas últimas duas semanas.

Minha cachorrinha está melhor, mas exige cuidados 24h. É bem cansativo para todos da família. A gente está esperando por uma melhora repentina que não sei se vai chegar. De qualquer maneira, sou muito grata pela melhora que ela já apresentou.

Próximo ano pretendo fazer um post sobre essa mudança de emprego. Acho válido compartilhar minha experiência, as razões que me levaram a isso, como negociei, como tive sucesso, enfim, sempre bom passar para vocês o pouquinho de aprendizado que tenho nessa jornada rumo à IF.

Provavelmente o fechamento do mês de Dezembro (e do ano), deve atrasar um pouco. Vou passar a virada de ano viajando, vou para um dos destinos famosinhos de virada de ano do Brasil. Consegui uma pechincha em um hotel e estou indo.

Então, para não passar em branco, espero que vocês tenham passado um ótimo Natal e que tenham uma passagem de ano maravilhosa! Que 2018 nos traga não só dindin para avançarmos na nossa jornada, mas muitas alegrias, afinal, é para isso que queremos a nossa IF! Uma passagem abençoada para todos da finansfera! Sinto que somos uma família já!

Grande beijo!

IFM

domingo, 17 de dezembro de 2017

Reta Final de 2017: novidades!

Oi Pessoal, como estão?

Atualizando um pouco aqui: ontem à noite minha dog melhorou um pouco (praticamente um milagre) e estamos aqui em casa praticamente em um home care para garantir que ela fique bem. Lembram do post sobre "pensamento positivo"? Pois bem, estou praticando como nunca.

Por falar em pensamento positivo, está quase tudo certo que eu consegui um emprego novo! Sério, eu estou cada vez mais convencida que pensar positivo faz a diferença. Sem racional, sem números, sem comprovações, só faz a diferença! Acredito que isso veio no final de 2017 como uma grande lição que eu devo levar para o resto da vida!

Assim que tiver tudo certo conto um pouco mais para vocês sobre esse novo emprego. Parece mais um daqueles milagres: empresa melhor, cargo melhor, salário melhor, benefícios melhores. Agora só falta as pessoas serem melhores (acredito que serão, porque para superarem negativamente as do meu atual trabalho vai ser bem difícil, rs).

De qualquer maneira, não quero abandonar o barco no meu atual emprego. As próximas semanas devem ser mais tranquilas (ou não, nunca sabemos), mas quero trabalhar da mesma forma, até o meu dia final (se ele chegar, mas tenho fé). Quero deixar aquela impressão de que "olha o que vocês perderam", sabem como é né?

De resto, meus FIIs (FIGS11, RNGO11 e BRCR11) continuam na sua valorização de forma consistente. FIGS é algo inacreditável que não para de subir, BRCR teve uma valorização mágica bem depois que eu comprei e RNGO andou praticamente de lado para mim, mas nada que me preocupe.

Para variar, devido à correria, estou com uma grana parada na conta. Não consegui investir a 2ª parcela do salário de novembro, o adiantamento de dezembro e agora dia 20 terei o 13º salário. Eu sei, isso é imperdoável, mas precisarei devolver uma grana relativa ao adiantamento da viagem da Europa e preciso me organizar financeiramente para isso.Hoje devo organizar essa parte para amanhã já fazer as devoluções necessárias para a empresa. Com o restante, quero ver outros FIIs para investir.

De vez em quando eu penso em recuar nessa minha estratégia de ir para a RV, quando vejo as notícias e incertezas sobre o ano eleitoral, mais conhecido como ano que vem. O que vocês pensam sobre isso?

Abs e bom restinho de domingo!
IFM